E quando tudo começou...

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Medição do Tempo


Medição do Tempo

Queria nunca medir o tempo
Queria que nunca tivesse sido medido
Queria que nunca houvesse relógio
E que só olhando o céu
E ao acabar de fazer amor
Percebemos que o tempo passou

Fecho os meus olhos
Vejo quanto tempo perdido
Com coisas tão pequenas
Que verdadeiramente nunca existiram
Deixo minha mala no chão novamente
Só assim, percebi que viajei

Gotas de orvalho na sacada
Já é madrugada
Tomo um banho quente
Cheirando a macadâmia
Volto para cama.
Dormir e sonhar

Com o dia que jamais mediremos o tempo
Olharemos nos olhos e viraremos um para o outro
Apenas para nos amar sem pressa de acabar.

Malu Freitas
fotos: Google

Nenhum comentário: