E quando tudo começou...

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Agora posso...

AGORA POSSO...

Tocar as estrelas

Sem querer tê-las
Não ouvir gritos no escuro
Ser ouvida claramente
Deitar no seu colo sem hora pra voltar
Não ouço incompreensões ao telefone
Nem discussões nefastas

Ahh! Não preciso brigar

Tu me ouves, me beija e conforta
Tão novo e tão maduro
Com sua maneira de pensar
Que me deixa livre para escolher
Até na pior fase e na indecisão

E se me sentir insegura...

Basta que penses, ligues, escreva.
E logo ouço a voz que do outro lado me deixa feliz.
A felicidade me encontra aos poucos
Sem que eu busques ela

Não tenho mais medo do escuro

Nem das noites mal dormidas
És meu "porto seguro"
És a liberdade que me liberta.
Pois tenho o melhor de um homem
Para que tenhas o melhor de uma mulher.

Malu Freitas
Fotos:Google


Nenhum comentário: