E quando tudo começou...

terça-feira, 19 de agosto de 2008

A espera de Salvação

Em busca da Salvação
Dos amigos que se foram
Na Salvação da minha alma e na Salvação das Deles
Tenho a sua em minhas mãos
Por me entender e saber o que busco
A liberdade nunca adquirida
A paz longe á tormenta
Tento salvar-te
Das garras do grande Anjo
Ou me salvar das Dele
Onde pararemos? Em que Umbral?
E a Luz que Ele um dia nos prometeu?
Onde está? Quem trará?
Quero galgar o topo da colina
Olhar para baixo e descer novamente
Para resgatar as almas que faltam
Antes que Ele as veja
E egoísticamente as roube de mim...
E com calma um dia chegarei ao ápice
Te chamarei... Não pros infernos.
Mais para sua Salvação.
Que assim seja sempre...

Malu Freitas

Foto: Google

Nenhum comentário: